Somos todos iguais?



Na disciplina de Educação Étnico-raciais presente na maioria dos cursos superiores, são abordados temas que está presente do nosso dia-a-dia, o multiculturalismo e diversidade cultural. No mundo atual onde temos a internet como comunicação, a interação entre os povos ficou tão próxima e ao mesmo tempo tão distante.

Perante as leis dos direitos humanos todo ser humano tem o direito de expressar a cultura do seu povo. Mas a lei dos direitos humanos é um conceito ocidental. Por exemplo na Índia existe o sistema de castas que divide a sociedade, mesmo que a pessoa de uma casta menor suba de classe sempre vai ser mau vistas pelas conservadores que acreditam nesse sistema.

No mundo islâmico a mulher ainda é submissa ao homem mesmo que a lei dos direitos humanos garantam benefícios para todas as mulheres nesse mundo. Dificilmente esses valores serão mudados na cultura oriental, mesmo que as culturas interagem chegando até criar novas culturas.

Ao mesmo que surge novas culturas, ainda existem pessoas que seguem os valores “tradicionais” como o grupo extremista Estado Islâmico e os neo-nazistas. Com a crise dos refugiados que estão saindo da Síria para Europa, será seus descentes no futuro seguiram a cultura majoritária do país que os abrigaram ou terão o poder de mudar a cultura desse país.

Isso já está acontecendo na França onde o governo tentou impedir o uso do véu pelas mulheres muçulmanas sendo que em alguns anos a população islâmica será maior do que a população cristã, transformando a França, um país tradicionalmente cristão em um república Islâmica.

Para minorias terem serem seus direitos assegurados precisam de representantes no poder para lutas pelos seus ideais e pela sua cultura. Mas não pode acontecer como aconteceu na África do Sul com a regime de segregação racial chamado de Apartheid quando a população branca que é minoria no país, domine a população negra que é maioria absoluta da nação.

Os valores do multiculturalismo devem presente na formação do ser humano não importando qual a sua cor de pele, religião e opção sexual; esses valores precisam ser respeitado pelo Ocidente e pelo Oriente. Só assim conseguiremos viver no mundo de direitos iguais com cada pessoas com sua particularidade, pois nesse sentido nunca seremos iguais, precisamos aceitar as diferenças.
 
 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
UA-98132943-1