Stade Rennais



O Stade Rennais foi fundado em 10 de março de 1901 por alunos de Rennes. Sua primeira partida Levou-se duas semanas mais tarde contra Rennais FC, e o Stade Rennais perdeu por 6 a 0. Em 1903, o Stade Rennais foi membro fundador da Liga de Futebol Bretanha.

Principais jogadores do Stade Rennais em 1903 foram Martin Peter, Langelier Montouan, o Sr. Duchesne, Guilbert Ghis, o Sr. Marcel, o Sr. Leroy, Mr.Audren e Mr. Jamin. Duchesne, Jamin, Peter e Ghis estavam entre os membros fundadores do clube em 1901. 

Em 4 de maio 1904 o Stade Rennais e o Rennais  FC se fundiram e se passaram a se chamar Stade Rennais Université Club. Naquela época, ainda não existia o Campeonato Francês. A maioria das competições era local, embora existissem também alguns torneios organizados nacionalmente. Em um deles, em 1916, o Stade Rennais Université Club derrotou o Lyon por 7 a 1 na final e foi campeão do Campeonato Interfederal da França.

Em 1922, Francis Hughes foi convocado para a seleção francesa, ele foi o primeiro atleta da história do Stade Rennais Université Club a vestir a camisa da seleção francesa. Dez anos depois, foi criada a liga nacional profissional na França e o clube aderiu ao profissionalismo. Na primeira edição da competição, a equipe terminou em sexto lugar. Em 1935, chegou à final da Copa da França, mas foi derrotado por 3 a 0 pelo OM.

O clube se desestruturou na época da Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e levou algum tempo para se recuperar do golpe. Somente na década de 1960 a equipe voltou a ter capacidade de lutar com os outros grandes times franceses pelo título nacional, depois de uma intensa reestruturação. Na temporada de 1964/65, conquistou a Copa da França, derrotando o Sedan na final.

Na temporada 1970/71, o Stade Rennais Université Club foi novamente campeão da Copa Da França onde a equipe derrotou o Lyon na final.

Em 23 de maio de 1972, o departamento de futebol do Stade Rennais Université Club mudou de nome, para Stade Rennais Football Club.

Em 1975/1976, o Stade Rennais foi rebaixado para a segunda divisão. O time chegou a voltar para a elite, mas caiu novamente e entrou na década de 1980 fora do escalão mais importante do futebol francês. Em 1982/83, o Stade Rennais conquistou a divisão de acesso e voltou para a primeira divisão, apenas por uma temporada, pois na temporada de 1984/85 o time voltava para a Ligue2. Na temporada 1993/94, o Stade Rennais conseguiu novamente o acesso à divisão principal. Desde essa temporada o time não voltou mais para a Ligue2.

Em 1998, o bilionário François-Henri Pinault, um grande torcedor do rubro-negro, comprou a equipe, e deu-lhe uma forte estabilidade financeira. Ele era muito ambicioso e para o ano do centenário do clube ele comprou a um preço elevado o Lucas Severino e Mario Hector Turdo para a temporada de 2000/01, mas infelizmente esses jogadores não fizeram boas atuações. A equipe resolveu mudar de estratégia e começou a apostar na juventude, e hoje o Stade Rennais tem uma das melhores academias de recrutamento de jovens jogadores.

Em 2004/05, a equipe conseguiu um quarto lugar na Ligue1 e na temporada seguinte participou da Copa da UEFA. Na temporada 2005/06, participando dos campeonatos nacionais e da Copa da Uefa o Stade Rennais só conseguiu uma 7ª posição na Ligue1 e nenhum título. Em 2007/08 e 2008/09 o Stade Rennais também participou da Copa da Uefa.

O Stade Rennais também participou da Liga Europa na temporada 2011/12, a equipe até conseguiu avançar pela 3ª eliminatória e no playoff, mas o rubro-negro não passou da fase de grupos.

Atualmente, o Stade Rennais é visto como um clube formador de atletas, suas divisões de base são famosas pelos bons valores revelados nos últimos anos. Alguns exemplos são Frei, que saiu para o Borussia Dortmund, e Gourcuff, que se transferiu para o Milan. Nos últimos anos o Stade Rennais acumula boas colocações na Ligue1.

Nenhum comentário