Idioma Russo

Nos tempos da União Soviética, o idioma russo era imposto e falado em todas as nações e regiões pertencentes ao bloco soviético. Após 1989, o mundo assistiu à queda do muro de Berlim, do desmanche da URSS e a volta de nações libertas do regime comunista soviético.




Ucrânia, Geórgia, Letônia, Uzbequistão, Bielorrússia, Cazaquistão entre outras regiões tornaram-se independentes com governo e economia própria, e na década de 90, passaram a compor o grupo de economias de transição, antes configuradas como segundo mundo. A língua russa presente nestes países foi uma das heranças que permaneceram da época soviética.



Depois de anos, compartilhando o idioma russo junto com o seu idioma “nativo raiz” no dia-a-dia e na mídia, as ex-nações satélites da extinta URSS, iniciaram nos anos 2000, um processo mais forte de desvinculação idiomática. Em 2008, a Ucrânia tirou um canal russo do ar, a TV Rússia Today, mesmo assim na Ucrânia, metade da população fala russo. Na Letônia a percentagem é de 30 %.



O Uzbeque é a língua oficial do Uzbequistão, e nas ruas de alguns destes países as placas de trânsito não são mais impressas no alfabeto cirílico (russo) e sim no alfabeto latino. Na Bielorrússia, Cazaquistão e Quirquistão, o russo ainda é semi-oficial.



Na internet há uma curiosidade, os sites são planejados em alfabeto cirílico, mas a extensão dos domínios e dos e-mails são em alfabeto latino. As atitudes de expelir o russo da região preocupa Moscou, que tem interesse comercial e cultural de manter a sua língua presente naquela região.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
UA-98132943-1