Pretinho Básico


Pretinho Básico é uma programa de entretenimento transmitido pela Rede Atlântida para os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Apresentado pelo "magnânimo" Alexandre Fetter, com a participação de Cagê (Carlos Eugênio Lisboa), Maurício Amaral, Potter (Luciano da Silva Lopes), Porã (Iglenho Bernardes), Mr. Pi (Everton Cunha) e Marcos Piangers, com algumas participações de convidados, intitulados de Estrelas Movéis (Neto Fagundes, David Coimbra, Rodaika Dienstbach e Lelê) que aparecem em alguns programas. Em ocasiões especiais , todas as estrelas móveis se reúnem.

O programa estreou no dia 2 de abril de 2007, transmitido a partir dos estúdios da Rádio Atlântida FM de Porto Alegre. A base do programa foram os três integrantes: Fetter, Maurício e Cagê, que antes faziam o mesmo tipo de programa em outra emissora, o programa Cafezinho na Pop Rock. Os três foram contratados pela Rádio Atlântida FM e a eles se juntaram os demais integrantes (exceto Piangers que entrou mais tarde).

É exibido nos horários de 13:00 até 14:00 e 18:00 até 19:00, de segunda à sexta ou pela internet, ao vivo, nesses mesmos horários. São apresentadas ainda, reprise do programa aos sábados, nos horários convencionais e na internet são disponíveis os Podcasts, às 23 horas, todos os dias.

O Pretinho Básico é produzido a partir de e-mails mandados pelo próprio público que interage, sendo na maioria das vezes fatos atuais e piadas. Cerca de 95% do material do Pretinho é enviado pelo público. Os integrantes do programa costumam fazer várias viagens pelos dois estados, com suas apresentações ao vivo, chamadas "Balada do Pretinho" (as famosas stand up's), visitas mensais a ouvintes no "Pretinho na minha casa" e aparições por conhecidos colégios da capital gaúcha.

Personagens

O programa possui seus personagens, ou "personalidades" como os próprios integrantes do programa costumam chamá-los. São interpretados por eles ou pelas estrelas móveis e geralmente são copiados pelos próprios integrantes, apesar de não ser "aconselhado" pelo âncora Alexandre Fetter. A cada tempo são criados novos personagens. Entre eles temos:

  • Abutre (Mendigo de Canoas): sátira de Ted Williams, ex-mendigo que virou locutor de rádio. Aparece sempre pra mostrar seu dom. Interpretado por Mr. Pi.

  • Aldo, de Teutônia: O colono do interior, sempre com sotaque característico de descendente de alemão. O personagem possui algumas semelhanças com o famoso Willmutt. Passa trotes no quadro "Cabelo no Spaghetti". Interpretado por Duda Garbi.

  • Almir: Personagem típico do programa, aparece em situações adversas. Quando algo de errado já aconteceu ou irá acontecer, seu nome é lembrado como principal suspeito. Costuma dar conselhos muito equivocados e atualmente é o assistente pessoal do Gordo Ronaldo. Durante as férias do apoio (Cagê), ele faz a voz de apoio, e se engana ao anunciar que haveria algum apoio na piada do Porã. Bordões: "Ah, querido...", "Pode ficar tranquilo quirido, Almir garante pra ti!", "Vai uma geladinha aí, gordo?", "Óóó!", "Vai tranquilo quirido!", "Vamo Faturá?, É um prazer ta aqui no programa do Fetter" (da abertura dos Desclassificados do Almir). É dono de uma empresa fictícia chamada Almirketing, que produz artigos únicos, como rojão de urânio enriquecido, GPS para bicicleta ergométrica, elevador wireless (que só desce) entre outros. Interpretado por Marcos Piangers.

  • Alcemar: Vai ao programa falar de seus afazeres de pedreiro e de poeta. Fala sempre de seu companheiro de obras Adão, que, segundo Alcemar, é baixinho e mal humorado.Bordões:"ôôô Adão, traiz as argamassa a-a-aqui na Atlântida".Há também o Aristeu,o Arizolin/Arizori,seus companheiros de obra. Quando falado "8 e 7" ele se transforma no Faustão e volta ao normal ao ouvir "viga 12". Interpretado por Pedro Smaniotto.


  • Apoio: É o responsável por anteceder as piadas do Potter e do Porã e as cantadas do Potter. Ele se revolta muito quando o quadro anunciado por ele não tem apoio, essa revolta está relacionada a perda de sua mulher para o "cara do oferecimento". Interpretado por Cagê, eventualmente pelo Almir (Marcos Piangers) e pelo Cid (Mr. Pi).

  • Auditório: Característico, sempre bate palmas nos chamados "Flatos do dia" (sic) e vaia Alexandre Fetter quando recebe cartão ou são negadas propostas de ensaios de famosas. Causou polêmica entre os ouvintes se existia ou não. Interpretado por Cagê, Porã, Marcos Piangers, L. Potter e algumas estrelas móveis, juntos.

  • Batata: Melhor amigo do Joãozinho, sempre aparecendo como coadjuvante nas suas piadas. É característico pela sua voz típica de quem está com a boca cheia, raramente aparece no programa. Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Bethania: imitação da cantora Maria Bethânia. Aparece para interpretar músicas e normalmente fala cantando. Na ausência do Cid (Mr. Pi), faz a leitura dos salmos. Interpretado por Pedro Smaniotto.

  • Campainha: Sempre apitando nas piadas do Joãozinho, em qualquer teste, em alguma discussão que não tem fim ou no caso de algum integrante falar algo que não devia. Em uma ocasião esteve com defeito por alguns dias e apitava a qualquer momento do programa. Interpretado, na maioria das vezes, por Maurício Amaral.


  • Castelhano: O argentino que, segundo ele mesmo nasceu em Camboriú, diz ter vindo de uma rádio chamada "General Madariagla". Muito malandro e esperto, vive dormindo em situações ditas como "chatas" emitindo um característico ronco. Costumava chamar Alexandre Fetter de "Alessandro". Diz-se que é pai de Marcos Piangers. Bordões: "Vô te dar um toque, cara", "Qual é o lance, cara?". Interpretado por Neto Fagundes. Canta as músicas "Guampa maneira" e "La Guampa".

  • Cacau Manezes: Imitação do Cacau Menezes. Sempre narrando fatos engraçados, com a sua calma e devida pausa. Muitos gaúchos não conheciam, por tratar-se de um comentarista catarinense, mas aos poucos se acostumaram. Interpretado por Marcos Piangers.

  • Cid Moreira: Imitação do próprio. Conhecido pela sua grande cabeça, sempre quer sair para a balada e cair na gandaia, ainda mais quando acompanhado de seus amigos Dr. Alceu e Pauzi. Vive se discutindo com o Duda (Porã) e com o Almir (Piangers). Bordões: "Onde estão as mulheeres?", "É pela minha grande cabeça que as mulheres se apaixonam!", "Boa noite" e "Jabulaaaniii". Interpretado por Mr. Pi.

  • Clô: Imitação de Clodovil. Sempre ligava para o programa, contava fatos de sua vida e atuava no helicoptero da Atlântida, "dando" informações sobre o tempo e trânsito. Atualmente fala com o programa pela "Linha do Além". Bordões: "Tudo bem, tudo bem, tudo bem?". Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Controlador de vôo: sempre aparece em piadas em aviões. Fala rapidamente, sem ninguém entender. Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Cristiano Manueldo: O típico nativo de Portugal, leva tudo ao pé-da-letra, na maioria das vezes não se pode entender muito bem o que ele diz nas piadas, e sempre se mete em confusões. Interpretado por Mr. Pi.

  • Dedé: Um porco que emite sonoros grunidos quando lhe puxam o rabo. O nome do porco foi escolhido através de sugestões na rede social twitter. Interpretado por Pedro Smaniotto

  • Dejair: Conhecido por estrelar seu momento no programa, chamado Saga do Dejair. Falando de momentos de sua vida, dizendo: "Olá, meu nome é Dejair, e eu queria 1 kg de patinho?" e a atendente do açougue pergunta: "De que?" e ele responde: "Dejair". Bordões: "Dejair", "Tá Tudo Ok". Interpretado por Pedro Smaniotto

  • Dirceu: Músico do programa, sempre com seu saxofone na boca. Aproveita os momentos dramáticos ou cômicos e começa tocar uma música incessantemente. Ele sempre sobrevive à chuva de tiros que Fetter lança sobre ele depois de uma canção. "Bordões": canções famosas como a Marcha Fúnebre e a trilha de abertura do Super Cine, entre outras, sempre ao som de seu saxofone. Interpretado por Cagê.

  • Dudu (ou DooDoo): A alma jovem do programa, sempre tirando com a cara de todos, principalmente com Fetter e Potter. Surgiu como um personagem que liberava senhas de uma promoção, virou um personagem popular e começou a trabalhar em outro programa da Rádio com o Porã, o Night Club. Logo ele cresceu e ficou muito arrogante, muito "estrelinha" como dizia o Fetter, isso foi um dos fatores que levou a sua demissão. Apesar de ele não trabalhar mais na rádio, aparece tentando arranjar algum serviço. O personagem foi inspirado no radialista Eduardo Santos. Bordões: "É isso aí cara!", "Qual é a senha cara?!, "Vou estourar várias champanhotas". Interpretado por Porã.

  • Dr. Alceu: Imitação do ex-governador do RS Alceu Collares. É quem comenta os fatos esportivos e administra as ligações telefônicas. Praticamente não se entende o que ele fala e, algumas vezes, é traduzido. Costuma chamar todo mundo de doutor e em algumas ocasiões profere palavrões. Bordões: "Exatamente!", "Doutor Fetter..." e "Putaquepariu!" . Interpretado por Mauricio Amaral.

  • Duda: Imitação do próprio Duda Calvin, vocalista da banda Tequila Baby. Se manifesta em diversas situações como conversas sobre o Rock e solicitando jovens meninas para clipes. Sempre discute com o Cid Moreira (Mr. Pi). Bordões: "Punk Rock até os ossos!", "Lembra Cagê?!" e "Dinho Ouro Branco..." referindo-se ao vocalista Dinho Ouro Preto, do Capital Inicial. Interpretado por Porã.

  • D'Alessandro: Imitação do jogador do Inter. Não se entende nada do que fala por causa de sua voz muito fina. Sempre está perguntando onde o Porã está. Bordões:"Poquito de suerte" "Compre o chip do colorado" e "Cadê Porã?". Interpretado por L. Potter.

  • Enrico: Radialista esportivo argentino e amigo do Castelhano, entra no ar por telefone durante os comentários do seu conterrâneo, falando incompreensivelmente. Muito emotivo , Enrico sempre chora , mas quase nunca se consegue entender bem a razão disso. Interpretado por Neto Fagundes.

  • Faustão: Imitação do próprio. Aparece quando Alcemar ouve "8 e 7" e desaparece depois de ouvir "viga 12". Bordões: "8 e 7!", "Grande fera!". Interpretado por Pedro Smaniotto.

  • Garrafinha: Imitação do Rafinha comunicador da Atlântida. Aparece quando alguém fala do Twitter. Bordões: "... no twirer". Interpretado por Duda Garbi.

  • Gaúchão: A sátira dos gaúchos, insinua que qualquer gaúcho é homossexual, o que nem sempre é verdade. Sempre repetindo frases de duplo sentido ditas por outros integrantes. Essa personalidade chegou a apanhar em Cacequi, num grande episódio, junto com Piangers e Almir. Marcelo noticiou o feito. Bordões: "Tchêêê..." e "É bom uma entrada atrás...". Interpretado por Marcos Piangers.

  • Girimum: Sua personalidade é a de um típico adolescente de Porto Alegre, que fala alto e com muitas gírias. Começou sua aparição como uma imitação do Cagê em uma edição do programa Bola nas Costas, também da Rádio Atlântida, que é apresentado por alguns integrantes do pretinho. Nesta edição, Cagê não estava presente e um ouvinte pediu para falar com ele, então Mr. Pi começou a imitá-lo. Bordões: "Pô cara...vou botar na tua...", "Bá meu, queria dar esse toque aqui...". Interpretado por Cagê.

  • Gordo Ronaldo: Imitação do Ronaldo Fenômeno. Sempre liga para o programa tentando esclarecer certas situações que acontecem consigo. Vive cantando a Rodaika, pra desespero do Fetter, que é chamado pelo mesmo de "Mongóla". O Almir é seu empresário. Bordões: "O importante é colocar a bola pra dentro!". "E aí pessoal dooo...", aí o "auditório" grita "Pretinho Básico!". Interpretado por Alexandre Fetter.


  • Jeisô: O típico guri da Zona Norte de Porto Alegre, Jeiso trabalha e mora no Bar da D. Rose, namora a Jenife e é muito amigo do Sarampo. Jeiso vai direto ao programa e conta piadas e cantadas, além de contar histórias engraçadas sobre sua vida. Teu um famoso bordão "Tálãgado?!" Passa trotes no quadro "Cabelo no Spaghetti". Interpretado por Duda Garbi.

  • Joãozinho: A criança do programa, participa quando pede explicações para o Porã sobre palavras estranhas ou expressões de duplo sentido proferidas por alguém e quando o Potter lhe faz perguntas do tipo "O que é, o que é:". Bordões: "Idiotão", "Tio Porã..." ou "Tio Almir...". Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Joel Santana: Imitação do próprio. Geralmente fica dando aulas de Inglês. Interpretado por Pedro Smaniotto.

  • José: Interpretado pelo Porã, grande contração de Almir para lidar com os nomes fantasias da Almirketing, além de resolver falhas com seus produtos. Usado pra puxar a Empresa mais pra baixo.

  • Josias: O caipira do programa, sempre tem tiradas inteligentes apesar de sua ignorância. Aparece quando há piadas sobre mineiros. Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Judeu Salim (ou Jacó): Aparece como personagem principal de piadas ou notícias que relacionem judeus, sírios ou turcos. Bordões: "Vá lá cuidar da lojinha pro papai" e "Tem que fechar a lojinha pro Shabbath." referindo-se ao dia sagrado dos judeus, o sábado. Interpretado por Porã.

  • Lauro: goleiro do Internacional, sempre discute o caso de poder ser goleiro reserva. Com a voz muito fina e baixa, ninguém entende o que ele fala. Bordões: "São coisas que acontecem, né?". Interpretado por Mr. Pi.

  • Milton Leite: imitação do narrador da Sportv. Bordões: "Mas é chato esse...", "Olha a batida!". Interpretado por Pedro Smaniotto.

  • Neila Torraca: Imitação do ator global Ney Latorraca. Entra no programa, em qualquer ocasião, "considerando" pessoas e famosos. Bordões: "Fetter: ótimo âncora, péssimo amigo"", "Porã: ótimo radialista, péssimo amigo!", "Adoro... Odeio...", "Nanini não me liga.", "Um presente que eu me dou!" e "Estamos em 2010, nos anos 70 se discutia isso!". Interpretado por Marcos Piangers e, evenetualmente, por Porã.

  • Marcelo Demente: Imitação de Marcelo Rezende, eventualmente interfere no meio de um e-mail ou notícia que está sendo lida, sempre gritando: "PAAARAAA", começa a debater os problemas e expor o "jornalismo verdade" que, segundo ele, só o Pretinho Básico possui. Embora negue, é extremamente sensacionalista e consegue colocar um "estupro" no meio de todas as notícias. Apresentava todos os dias os "Destaques do ClicErreideTV", após os Destaques do ClicRBS. Recentemente mudou de emissora. Saiu da ErreideTV e foi para a BadNews, e agora está na "Rede Recorte", apresentado na edição das 13h do programa. Bordões: "PAAARAAA", "Vai Pikachu", "BadNews, a má notícia em primeiro lugar", "Isso é jornalismo, amigo!", "Ataque sexual!" "Quem aqui né, amigo", "jornalismo verdade" e "Cala a boca, Marcelino. Corta pra mim, é comigo mesmo.". Interpretado por Marcos Piangers.

  • Marcelino: Parceiro de Marcelo Demente. Sempre aparece com ele e também o substituindo em sua ausência. Bordões: "É verdade, Marcelo!". Interpretado por Porã.

  • MC Guri: Rapper do programa, faz rimas ao estilo dos rappers Mano Brown, MV Bill e do grupo Da Guedes. Fala dos participantes do programa em ritmo de hip-hop. Sempre refere os bairros do Moinhos de Vento e Bela Vista, em Porto Alegre, e Jurerê Internacional e Beira-mar Norte, em Florianópolis, como locais carentes e que passam dificuldade (sendo que esses bairros concentram a classe mais rica dessas duas cidades). Através do MC Guri que se tornou conhecido o internauta e ouvinte "compositor" Luis Maffei. Bordões: "É lamentável!", "Aí já era!", "Não vou te cumprimentar!", "13 pau de imposto de renda" e "No outro programa que apresento na rádio...". Interpretado por Marcos Piangers.

  • Meira: imitação de Luiz Onofre Meira, ex-conselheiro do Grêmio. Sempre aparece no Bola nas Costas, falando sobre o planejamento dos clubes. Bordões: "O importante é o planejamento...", "Querido...", "Evidentemente...". Interpretado por Mr. Pi.

  • Mulheres: são usados nas chamadas "vidas de merda" e quando mandam cartas... Interpretadas por Cagê e David Coimbra.

  • Nego Véio: O Gaúcho Bagual, macho e muito tradicionalista, diferente do outro gaúcho. Interpretado por Neto Fagundes.

  • Narrador:Era a voz pricipal quando falavam sobre piadas de futebol. Perdeu espaço nos últimos tempos. Era interpretado por Maurício Amaral.

  • Oferecimento: Personagem que aparece sempre em cantadas e piadas do Potter após o "Apoio" com o oferecimento de produtos fictícios com anúncio de duplo sentido, tendo uma vasta lista de trocadilhos. Bordões: "Preservativos gozex com tamanhos: Porã, pequeno, médio, grande e Ai-Meu-Deus!", "Refrigernates Umbu: agora na versão 5 litros, como pode Umbu ser tão grande assim?!", "Funerária um Irmão: antes eram dois!". Interpretado por Mauricio Amaral e eventualmente por Porã.

  • Pauzi: Imitação do vocalista Fauzi Beydoun da Tribo de Jah, sempre fazendo referências ao Reggae e e à sua banda que é composta apenas por cegos, e falando sobre o Maranhão. Possui um humor sarcástico em suas colocações e admite plantar Manjericão. Aparentemente conhece todos os ouvintes que mandam propostas para os Classificados do Pretinho. Bordões: "Alô Magnata!" , "Abre teu olho, magnata!", "Rrreggaeee!!!!" e "Vamos fazer uma fumaceira!?", em referência ao uso de entorpecentes. Interpretado por Porã.

  • Pauzinho: Filho de Pauzi , aparece no programa para concordar com seu pai. Interpretado por Duda Garbi

  • Pauzão: Pai do Pauzi, aparece para concordar e argumentar com Pauzi e Pauzinho, também interessado em incêndios, matas, e afins. Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Primo da Tuba: Tal como o Dirceu, usa sua enorme Tuba para fazer o acompanhamento das músicas. Interpretado por Neto Fagundes.

  • Produção: Aparece quando o Porã ou alguém fala algo comprometedor. Bordões: "Atenção Pessoal!" e "A opinião do Porã". Interpretado por Maurício Amaral

  • Quick Silva: Primo do Mick Silva do programa Sônica da Atlântida, dono de uma voz de locutor de jogo de futebol de rádio ele raramente aparece no programa, mas aparece em Piadas do Potter onde o tema é uma rádio. Bordões: "Fala alemão, como vai o gurizão?", perguntando ao Fetter sobre o filho dele , Théo. Interpretado por L. Potter.

  • Ricardinho Prates: É um empresário que trabalha para empresas conhecidas e é vocalista da Extrela Dalva, do grande sucesso "Não Aceito Não". Passa trotes no quadro "Cabelo no Spagueti" Interpretado por Duda Garbi.

  • Santana: Imitação do Paulo Sant'anna (colunista do jornal Zero Hora). Bordões: "O Ronaldinho vai para o Grêmio". Interpretado por Duda Garbi.

  • Saulo Autuori: Imitação do ex-técnico do Grêmio, Paulo Autuori. Fazia suas aparições no Momento Bola nas Costas concedendo uma entrevista coletiva, fazia longos discursos, dava respostas quase sempre incompreensíveis e que não tinham nada a ver com as perguntas de seus entrevistadores. Recentemente voltou por via telefônica. Bordões: "Você está me entendendo?". Desde que o Autuori, o verdadeiro, saiu, o personagem não é mais feito. Interpretado por Mr. Pi.

  • Silvio: Imitação do Silvio Santos, sempre fazendo os testes de 'QI do Silvio', onde faz perguntas aos integrantes do programa com alternativas sempre bem "elaboradas",costuma também cantar a Rodaika, esposa de Alexandre Fetter. Bordões: "Ma-ma-ma oeee, vamos às perguntaaas!". Interpretado por Alexandre Fetter.

  • Tim Maia: Outra personalidade que usa a "Linha do além", dá as caras quando o retorno de som é cortado ou é fraco durante o programa. Bordões: "Onde tá o retorno, Vanderlei?", "Eu bem que te aviseeeeeii...", "Quatro horas da manhã?". Interpretado por Porã.

  • Toninho Teixeira: Apelidado de "Paulista" ou de T.T. Típico paulista afetado pela crise mundial. Sempre reclama da vida de "novo pobre" e relembra da vida em que aparecia nas revistas. É torcedor do Corinthians após virar pobre. Bordões: "Orra meu..." "Pior que ser pobre é ser ex-rico, o novo pobre.". Interpretado por Porã.

  • Vanzolin: Imitação de Armindo Antônio Ranzolin, locutor esportivo da Rádio Gaúcha, faz rápidos comentários com a "voz" característica de narradores de rádio durante as notícias, e-mails ou situações inusitadas do programa. Interpretado por Neto Fagundes.

  • Vilmo:Imitação de um típico morador do município de Benedito Novo / SC. Zéca


  • Zé Wilker: Imitação do ator e apresentador do Oscar, José Wilker. Aparece sempre que se fala do Oscar. Interpretado por Mr. Pi.


Bordões Principais

Estes bordões são ditos sem personalidade própria, pelos apresentadores, ou são os mais conhecidos dos personagens. Alguns são esses:

  • Ah, Velha!: Lelê, do Bola nas Costas, dizia esta frase pra referir sua mulher. Porã passou a falar este bordão após piadas para designar o machismo. É interpretado por ele.

  • Ai, Dedé!: normalmente dita pelo Zacarias (Pedro Smaniotto) e adaptada pelos integrantes do programa. Normalmente é uma resposta a piadas sem-graça.

  • Cagê, um homem atrás de seu tempo: Refere-se ao Cagê, o idoso do programa, quando fala de antiguidades.

  • Cornoo...: Trote passado aos bruxos do Pretinho Básico.

  • É culpa da... MACONHA: Interpretado pelo Marcelo, foi proibido no dia 19 de Outubro por ser interpretado como uma apologia à droga ilícita. Existe a versão do Maurício Amaral: É culpa da PAMONHA!!!!

  • É brabo isso daí, tchê!: Ocasionalmente dita por Lelê em relação a vários fatos ou situações difíceis.

  • Estupro!: Também interpretado pelo Marcelo,também foi proibido em janeiro, substituído por "Ataque sexual!"

  • Eu posso ir embora?: normalmente dita por Mr. Pi, querendo encerrar alguma discussão sobre um assunto constrangedor, ou quando não há mais nada o que se falar a respeito.

  • Eu quero daaaaar: em momentos de loucura no programa ou na vinheta dos Flatos do dia, Maurício Amaral grita o bordão.

  • É verdade, amigo: Frase capturada pelos integrantes, é dita pelo Marcelo, ou feito pelo Piangers, ou pelo Porã. dita quando se concorda em tal fato.

  • Fia da pu: Adaptado de uma gíria de baixo calão. Também é usado como um cumprimento após as piadas. É usado durante a previsão do tempo pra designar os dias de chuva. Interpretado por Maurício Amaral

  • Homens, homens...: Interpretado por todos os homens do Pretinho, também é um bordão machista.

  • Parou Rubinho: quando há casos de traição e há o flagrante, é dito este bordão. Interpretado por Maurício Amaral;

  • Porã, uma máquina de se queimar!: É dito por todos os participantes do programa quando o Porã fala alguma grande besteira.

  • Potter, um Brasileiro: quando as piadas do Potter são muito ruins. Ultimamente não é muito dito.

  • Quem aqui né amigo: Dito por Marcelo Demente, o Piangers, quando é referente a qualquer assunto, e é capturado pelos integrantes.

  • Tchê!!!: É dito para provocar os gaúchos, insinuando a dúvida sobre a sexualidade. Interpretado pelo Gaúcho do Marcos Piangers.

  • Tô com uma fome, moreno... e Ai, Tarso...: ditas pela primeira vez pelo ex Rei Momo do Carnaval de Porto Alegre. A segunda frase referia-se ao então prefeito da capital Tarso Genro.

  • Vamos, vamos...: quando são citadas mulheres famosas relativamente bonitas e eventos com mulheres, ou quando uma piada muito ruim é contada. Interpretado pelo auditório.

  • Vou parar tudo que eu estou fazendo...: frase dita ocasionalmente por Maurício Amaral (ou por algum outro integrante) em inúmeras situações do programa.

Canções do programa

São cantadas de vez em quando. As vezes puxadas por algum participante ou porque foi lido um e-mail com alguma relação aos assuntos das canções. As vezes os participantes param de cantar para que os ouvintes, que muitas estão presos no trânsito, cantem para se divertir.

  • Funk do Quati: Interpretado por Doodoo, este fazia um funk clichê, apenas inserindo os quatis na letra.

  • Designer:Refrão: "Eu sou designer e designer é rei; eu sou designer e designer é rei; fashion week wm Milão, de C3 no parcão, e ele voa, voa , voa..." Versão da musica Y.M.C.A., de Village People. Fala sobre os Designers com um tom de ironia.

  • Rap da Gorda: Interpretado por MC Guri, personagem de Marcos Piangers. A base da canção é o instrumental de The Next Episode, sucesso de Dr. Dre e Snoop Dogg.

  • Guampa Maneira: A música é uma versão de Guantanamera, escrita por Joseíto Fernández. Guampa Maneira conta a história de uma traição, na visão do traído. Existe a versão Planta Maneira, que fala sobre Pauzi quando "fuma".


  • Amigo Bambi: sátira de Amigo Punk, da Graforréia Xilarmônica. Fala da saída de Fetter para as férias. Também tem a versão "Amigo Pauzi", sobre o dia-a-dia dele.

  • Rap do Pretinho: Música que surgiu de uma "parceria" de MC Guri com MV Bill. Na verdade é a "colagem" de trechos de uma música do MV Bill com o improviso do Guri. O trecho do promissor MC foi gravado ao vivo no PB.

  • Sátiras de Então É Natal: Cantadas pelos Meninos Tenores e pelo tenor André Bokecthelli, referem-se a situações incomuns nas festas, como micos de mulheres e troca de nomes causados por avós muito idosos.

  • Funk da betorneira: Alcemar lança a música que compôs na obra em que trabalha.

  • Hino da RBS: Não é na verdade um hino, mas sim, uma brincadeira com nomes das personalidades da RBS TV e da TVCOM. Uma sátira aos funcionários "puxa-saco" dos seus chefes. Sua base é o instrumental da música "Loving Every Minute" do grupo Lighthouse Family.
  • Hino do Acre: Um samba-enredo, escrto pelo integrantes L. Potter e Porã em meados de 2008, no qual é homenageado o estado do Acre.

  • Canto Pretinhense: Uma versão do Canto Alegretense que foi enviada por um ouvinte. A música é interpretada por Neto Fagundes (criador da versão original) e faz menção aos integrantes do programa, incluindo as Estrelas Móveis.

Quadros

Geralmente o programa passa por diversos "quadros", alguns móveis e outros, fixos. Os principais são eles:

  • Dia de...: Narrado por Alexandre Fetter, às 13 horas, ele diz, com colaborações dos ouvintes, cada homenagem do dia: Bordões: "Obrigado você que é..." e "Dia do atleta profissional"

  • Destaques Comentados do ClicRBS: Nos dois horários, Fetter retira do site ClicRBS (especialmente do jornal Zero Hora e do Diário Catarinense) as notícias do dia.

  • Plantão ClicRecort: (Sátira da Record). Recentemente Marcelo mudou de emissora (de novo), mas praticamente a mesma coisa do ClicErreideTv e do BadNews. No ar às 13 horas após os Destaques Comentados do ClicRBS.

  • Duelo de frases: Duelo entre frases enviadas por ouvintes via e-mail com frases do Twitter do @mr_pi_.

  • Flatos do Dia: Narrado por Cagê, ele informa, de minuto em minuto, os fatos das celebridades, às vezes se atrapalhando ao dizer os nomes deles. Possui como tema de fundo o Plantão da Globo, uma vinheta de helicóptero e outra vinheta de tiro de metralhadora, dando a impressão de hard news. Na ausência do Cagê, Girimum (Mr. Pi) apresenta o quadro. Vai ao ar sempre às 18 horas.

  • Piadas e Cantadas do Potter: Geralmente mal interpretadas, possuem apoios de duplo sentido. Recentemente a Cantada do potter passou a ter apoio de verdade, de uma rede de danceterias.

  • Piadas Velhas do Porã: Recentemente passaram a ter apoios, devido a saída do Potter por motivos médicos. São piadas, não necessariamente, velhas. O auditório sempre pede mais umas.



  • Curiosidades: Lelê informa curiosidades esquisitas e geralmente de pequena noção. Spam na verdade.

  • Listas e signos: Algumas listas são de "dez mais". Outras listas, relacionam os signos do zodíaco.

  • Momento Bola nas Costas: Apresentado pelo Doutor Alceu, é o quadro mais tradicional, de esportes, abre o segundo bloco de cada programa. Por meses, chegou a ser Apresentado pelo L. Potter. Possuem apoios de verdade, de uma marca de tênis e de uma marca de espumantes.

  • Vida de merda: são as humilhações e micos dos ouvintes, incomuns no dia-a-dia. Interpretados por Cagê.

  • Momento musical: Acontece geralmente pra fechar os programas, são os tapa-buracos do programa e a divisão de rede entre FM e internet no fim do programa das 18 horas (as emissoras FM, por força de lei, ficam com a voz do Brasil).

  • Classificados do Pretinho: Acontece no final do primeiro bloco, em que são divulgados classificados enviados pelos próprios ouvintes por e-mail. O Clá-clá é garantido de retorno, mas não de exibição.

  • Desclassificados do Almir: Acontece logo após os Classificados do Pretinho. Nele, Almir vende prdutos incríveis, como água em pó (basta misturar água e beber), Ferrari preta (de queimado) e pára quedas usado apenas uma vez (com uma pequena mancha de sangue).

  • Classificados do Nego Véio: Esporadicamente acontece após os Classificados do Pretinho. Nele, o Nego Véio vende produtos na linguagem gauchesca.

  • Cabelo no Spaghetti: Apelidado de a Dança dos Famosos do Pretinho. Sempre ao fim do programa das 13 horas, Duda Garbi, do Kzuka e do Cala a Boca Piangers (programa de TV), passa trotes (que já estão gravados a mais ou menos 3 meses) para os integrantes do programa, alguns outros empregados da RBS, músicos e esportistas. Recentemente, os trotes tem sido para empresas, escolas, lojas, entre outros. Ali surgiram os personagens Jeiso, Ricardo Prates e Aldo de Teutônia.

  • Salmos do Cid: não são exatamente textos bíblicos, mas as primeiras estrofes das músicas que entram no Discorama 2ª edição para o RS. O quadro vai ao ar para dividir a rede FM e internet, pois as emissoras FM devem fazer a transmissão obrigatória da Voz do Brasil.

Apoios

Sempre engraçados, são propagandas de duplo sentido. Geralmente vem de comunidades do Orkut dedicadas a essas piadas da propaganda. Os temas mais satirizados são:

  • Funerárias: fazem sacanagem com seus clientes, com slogans do tipo: "Sua morte é nossa alegria".

  • Terminações: geralmente "...eta", "...u" e "...ete", quase rimam com palavrões.

  • "Holding" Umbu: sempre tem um slogan: "Como pode Umbu ser tão...". Já foram "lançados" refrigerantes, poços artesianos e uma companhia distribuidora de filmes de comédia.

  • Produtos do Porã: hoje, satirizam que os produtos são pequenos. Chegou a rimar o nome, como nos "Supermercados do Porã, compre hoje, mas pague amanhã."

  • Holding "Pretinho Básico": já foram lançados os "refrigerantes do Pretinho, em 4 litros. Prove o litraço de 4 litros.", além de faqueiro de talheres e pares de palmilhas.

  • Motéis: Um dos temas mais satirizados, possuem algum trocadilho, como exemplo, o "Motel Caminho de Casa, se sua mulher ligar, diga que está no Caminho de Casa".

Integrantes fixos

Os integrantes fixos são os radialistas que fazem o programa. Com o tempo, acabaram criando uma personalidade própria dentro do programa.

  • Alexandre Fetter: Âncora do programa, tem por missão botar ordem no programa, acabando com a maioria dos "excessos" cometidos pelos outros integrantes, como por exemplo falar palavrões, porém ele mesmo fala os palavrões e exagera as vezes, mass sempre camufla apertando o botão do mute. É sempre tirado pelos outros integrantes como sendo gay ou afeminado, devido as suas manias, como por exemplo, tomar iogurte com lactobacilos vivos, tomar banho no fim do dia para tirar as energias negativas, secar os dedos dos pés com secador de cabelos, entre outras. Sempre quando ele faz um comentário destes, os outros integrantes batem na mesa gritando: "Tu é gay, tu é gay que eu sei!". Apesar disto é casado com a Rodaika (na realidade), estrela móvel do programa. Pode ser considerado como o principal integrante do programa, sendo que os outros o consideram como o chefe. Fora do programa, segue na rádio, com o Discorama (músicas dos anos 70, 80 e 90) e com o Laboratório do Dr. Fexter.

  • Cagê: Carlos Eugênio é o mais velho do programa, um pouco mais que o Fetter, por isso é considerado o idoso do programa. Ficou conhecido no programa como "Cagê, um homem atrás do seu tempo!", devido a comentários sobre parafernalhas que já não existem mais. Gremista fanático - muitas vezes chamado de "doentinho" - e conselheiro de seu time. Sempre o defende quando o Potter ou Fetter, colorados, fazem algum comentário do time rival. Fora do programa, é comunicador da Rádio Itapema FM durante a noite. Faz companhia a Mr. Pi e Porã duranteas manhãs, o conhecido trio "PiPoCa" .

  • L. Potter: Luciano Potter é considerado ironicamente como um símbolo sexual dos meninos, devido as suas famosas e ridículas cantadas disparadas no programa com direito a apoio. Sempre costuma falar sobre assuntos escatológicos e nojentos, como sua operação de fimose ou a de retirada de sua hemorróida. Também costuma pesar-se antes e depois de ir ao banheiro, com fins considerados nojentos por muitos, além de adorar tirar "tatu" do nariz, fazer bolinnha e comer. Fora do programa, segue na rádio, com o programa Barracão, de manhã, com Rafinha, e no Patrola, aos sábados, na RBS TV. /

  • Marcos Piangers: Piangers entrou no programa no dia 12/03/2008, possivelmente para cobrir as férias do Potter. É extremamente irônico nas suas colocações, a ponto de ás vezes não conseguir distinguir se ele está falando sério ou não. Também costuma quebrar quaisquer princípios de ética em suas ironias. Conhecido também como albino, por ter a pele bastante branca e cabelos ruivos, e por isso se diz sofrer preconceito nas ruas, integrante da fictícia FODA (Fundação Orgulho Dos Albinos). Marcos diz fazer mensalmente o "Popular Day", quando sai às ruas "para os populares o agarrarem, puxarem suas roupas". Ele faz o tipo "malucão", saindo nas fotos fazendo careta, ou discordando da opinião da maioria (saindo do senso comum). É considerado genial. Fora do programa, segue na rádio, com o Barracão em Porto Alegre, durante a tarde e apresenta o "Cala a Boca, Piangers!", na TVCOM.

  • Maurício Amaral: Produtor do programa, é responsável por organizar o conteúdo e as piadas que os outros integrantes irão ler, selecionando os emails e cartas que chegam dos ouvintes. Também fica responsável por ser o ancôra quando Fetter não está no programa. Ainda é parte ativa do programa, interpretando personagens e participando das discussões. Atualmente faz grande sucesso com o quadro "Maurício Pandeiro" (seu apelido), onde tenta cantar hits, mas geralmente não tem sucesso por sua notável falta de ritmo e desafinação. Fora do programa, apresenta o Barracão, junto com Marcos Piangers durante a tarde.

  • Porã: Seu nome real é Iglenho, é um participante descontraído e muito engraçado. Além dos personagens que faz no programa, apresenta também a "Piada velha do Porã". Sua participação fica mais hilária quando ele resolve falar sério ou filosofar e sempre acaba se queimando, sendo chamado pelos companheiros de "Porã: uma máquina de se queimar!". Fora do programa, segue na rádio, com o programa Pijama Show, de manhã, junto com Mr. Pi, das 7 às 9 horas.

  • Mr. Pi (Everton Cunha) É conhecido como o "anjo do programa" e pelos personagens. Tem destaque entre os personagens o Cid e o Meira. Fora do programa, segue na Rede Atlântida, com o Pijama Show. Desde o desfalque do Potter, Mr. Pi é Estrela fixa.

Estrelas móveis

  • David Coimbra - Segundas, Terças, e sextas, 18hs: conhecido como "o Galo Cinza", sempre conta crônicas de mulheres e também traições. Também é o "escritor" do programa. Fora do programa, é cronista da Zero Hora.

  • Neto Fagundes - Segundas e Quintas, 13hs, Quartas 18hs: A alma gaúcha do programa, é característico pelas piadas de "nego véio". Fora do programa, atua como apresentador do Galpão Crioulo.

  • Rodaika Dienstbach - Quartas e Sextas, 13hs: A única mulher e a porta-voz do sexo feminino no programa, sempre com seu jeito "mandona" quando vem. Mas também é bastante "delicada". Fora do programa, apresenta o Patrola na RBS TV e o Papo Clip na Rede Atlântida do Rio Grande do Sul e na TVCOM de Porto Alegre.

  • Lelê (Leandro Bortholacci) - Terças, 13hs, e Quintas, 18hs: Produtor da gravadora Olelê Music, é torcedor colorado fanático. É o criador do bordão "Ah, Velha!". Estreou oficialmente no programa em Julho de 2010. Lelê já trabalhava na Atlântida no programa Bola Nas Costas.

  • Pedro Smaniotto: Faz participações especiais, é quase uma estrela móvel. Faz imitações e participações com o personagem de própria criaçãoAlcemar, o pedreiro erudito. Faz imitação de Faustão, Zacarias, Anonymus Gourmet, Maria Betânia e Joel Santana.

Outros integrantes

Esses são parte do programa "Cala a boca, Piangers", da TVCOM. Aparecem em dias aleatórios e apenas em forma de seus personagens. Eles formam a "caixa baixa" do programa .

  • Duda Garbi: Faz o quadro Cabelo no Spaghetti, exibido após o programa das 13h, no qual passa trotes com os seguintes personagens: Jeiso, Ricardinho Prates e Aldo. Faz participações especiais no Pretinho Básico com o personagem Jeiso. Faz também a imitação de Paulo Sant'anna.

  • Pedro Smaniotto: Faz participações especiais, é quase uma estrela móvel. Faz imitações e participações com o personagem de própria criação Alcemar, o pedreiro erudito. Faz imitação de Faustão, Zacarias, Anonymus Gourmet, Maria Betânia e Joel Santana.

Curiosidades

  • Em um programa das 18h do inverno de 2009, o programa foi interrompido para a desinfestação do estúdio após um ato flatulento do comunicador Porã, que havia comido uma feijoada a tarde em comemoração ao aniversário de sua mãe. Porã foi expulso, e durante a interrupção a "banda do pretinho" tocou a parte instrumental da música "Designer". Após retornarem, Porã enviou uma mensagem SMS se desculpando pelo ocorrido. Esta foi a primeira expulsão de Porã do programa.

  • No programa das 13:00 do dia 22 de julho de 2009, L. Potter recebe uma ligação ao vivo sobre um suposto sequestro de sua filha, o já comum golpe do falso sequestro.A ligação foi real e L.Potter falou com o suposto sequestrdor ao vivo, já que este não tem filhos. Este fato gerou muita discussão, chegando a gerar um bordão: Ô paiêêê, vem me buscar !

  • A edição das 18 horas do dia 22 de setembro de 2009 foi sem intervalos comerciais por 90 minutos (60 de Pretinho e 30 de Discorama), com isso, os integrantes reclamaram de falta de pagamento do patrocínio à rádio e não houve o quadro do Dr. Alceu (Maurício Amaral), apenas piadas do Porã e crônicas de David Coimbra.

  • Na edição das 18 horas do dia 22 de outubro de 2009, aos 37 minutos, o apresentador Alexandre Fetter sofreu a sua primeira empulhada, ao ler um e-mail sobre madeiras com cheiro de cocô, enviado pelo ouvinte Jaci Borreau. No mesmo programa, o apresentador chamou o show do intervalo duas vezes.

  • Na edição das 18 horas do dia 18 de dezembro de 2009, iniciou uma promoção onde os pretinhos ligam para um ouvinte cadastrado para mandar uma mensagem de Natal.

  • Todos os anos, por volta do dia 24 de dezembro, acontece o "amigo secreto do Pretinho", que envolve estrelas fixas, móveis e personagens.

  • Desde o dia 4 de janeiro de 2010, são proibidos termos chulos, como exemplo, "pinto pequeno". Porã e Potter prometeram colaborar em evitar esses termos para tornar o Pretinho Básico um programa mais de "família".

  • No dia 30 de março de 2010, o verdadeiro Cid Moreira participou do programa das 13h, na divulgação do livro "Boa Noite" e com um encontro histórico entre o Cid verdadeiro e o Cid personagem (interpretado por Mr. Pi). Durante a entrevista, o Cid verdadeiro chegou a perguntar para Fetter: "Não é você quem manda nesse programa?", frase que acabou sendo adaptada pelo Cid personagem.



  • No dia 19 de outubro de 2011, Porã sofreu um acidente ao cair da cadeira, batendo com a cabeça na parede e com o cóccix no chão do estúdio no programa das 18 horas.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.
UA-98132943-1